Corpo Eletrico



PROVOCAÇÃO


O quanto somos realmente responsáveis? O quanto do que nos acontece culpamos os outros? Achamos que somos donos de nossas vidas, mas vivemos explicando nossas falhas e problemas por aquilo que foi feito a nós.


Quando colocamos a responsabilidade do que nos aconteceu em outros, quando justificamos nosso presente pelos erros passados dos outros, nós nos preservamos de sentir culpa. Nós somos as vítimas, os coitados. Livres de todo o pecado. Porém, a contrapartida é cruel.

Por a culpa, ou melhor dizendo, a responsabilidade do que nos aconteceu e nos acontece nos outros nos deixa como presas, seres sem o menor controle de seus vidas e destinos.

Eu sei que é duro assumir que estamos na merda por causa dos nossos próprios atos, mas adivinhe como você vai se tornar muito mais eficiente em evitar fazer mais merda?

Mas você vai dizer: “Eu nunca desejei isso, nunca quis que isso me acontecesse.” De fato, conscientemente não, mas inconsciente ou subconscientemente…Tudo isso porque existem os mecanismos de auto-sabotagem, muito eficientes em nos manter como vítimas, como joguetes do destino. Você não surfa a onda de forma ativa, ela te empurra te dando caldos.

O que gosto no Ho’oponopono é exatamente isso, o fato de que você é responsável por tudo que lhe acontece. E perceber isso te coloca num estado de maior alerta. Você começa a perceber os caminhos subconscientes que lhe colocaram numa situação que você abomina conscientemente, e consequentemente se torna muito mais eficiente em evitar e bloquear essas situações. Mas o Ho’oponopono é só uma entre muitas filosofias e ferramentas que nos ensinam isso: responsabilidade por nós, pelo nosso entorno, e em última instância pelo universo, já que o universo está presente em nós (não adiante tentar mudar o mundo de fora, tem que começar de dentro, talvez por isso tantas revoluções fracassem, não?).

Para finalizar, os preceitos de Morrnah Simeona:

1. O universo físico é uma realização dos seus pensamentos.

2. Se seus pensamentos são cancerosos, eles criam uma realidade física

cancerosa.

3. Se seus pensamentos são perfeitos, eles criam uma realidade física

transbordando AMOR.

4. Você é 100% responsável por criar seu universo físico como ele é.

5. Você é 100% responsável por corrigir os pensamentos cancerosos que criam uma realidade doente.

6. Não existe lá fora. Tudo existe como pensamentos em sua mente.

Fonte: http://www.hooponopono.ws/

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: